‘Dieta Mágica’ Do MMA Reduz quinze Kg Em uma Semana, Entretanto Podes Matar

Neste instante Os Sucos Naturais


Sonhe como seria eliminar até 15 quilos em apenas uma semana e sair desfilando um visual completamente novo por ai. É mais ou menos isto o que diversos atletas do MMA chegam a perder antes do confronto. Mas a realidade, segundo os especialistas, é que a ''dieta mágica'' dos lutadores pode até levar à morte se for usada por ''pessoas normais''. Alguém comum poderá morrer. A desidratação é algo sério, e a perda brusca de sais minerais poderá levar a uma parada renal e à morte.


Mitos E Verdades

Não aconselhamos ninguém a tentar nada parelho. O atleta profissional é preparado para algo desse modo, treina durante meses pra esta finalidade, não é pra cada um”, falou Rogério Camões, preparador físico de lutadores como Anderson Silva e Ronaldo Jacaré. Porém como funciona essa perda de gordura? E por que os lutadores se sujeitam a ela? A fórmula é bem simples, na suposição, combinando cortes pela alimentação com um procedimento de desidratação rígida do corpo. Os atletas passam pelo procedimento precisamente pra estarem mais pesados e fortes pela hora do combate. Com isto, conseguem ter alguma vantagem pela disputa. Os lutadores começam a restrição alimentar cerca de uma semana antes do confronto. Eles reduzem o consumo de carboidratos, principalmente aqueles com altos índices glicêmicos, como pães e bolachas, sem parar com os treinamentos. O campeão dos penas do UFC, José Aldo, chega a apagar dez kg na semana da guerra, a título de exemplo.


Nos dias que antecedem o confronto, ele restringe tua dieta a alimentos como peito de frango, claras de ovo e algumas frutas antes dos treinos. Já no dia da pesagem ele executa a desidratação (conforme mostra o filme abaixo) para finalmente atingir os 66 kg da sua categoria. A perda de líquidos no dia da pesagem é com certeza a fase mais perigosa de todas. Eles desidratam o corpo humano pela sauna e ou pela banheira quente sem comer nada e eliminam o máximo de água e sais do corpo humano quanto for possível.


Vale lembrar que a redução de peso varia dependendo do tipo físico de cada lutador. A desidratação não é só uma dúvida física, o lutador precisa estar adaptado. Tem atletas que não sentem-se bem. Entretanto alguns de fato extrapolam e chegam a perder até oito quilos fazendo apenas a desidratação. Mesmo desta forma, é algo pra profissionais e pessoas acostumadas. Quem não está, podes morrer”, ressaltou o preparador Rafael Alejarra. Você ajeita o lutador ao longo de todo o treino pra esse corte. O que é menos difícil de retirar e repor antes da competição? A água - ao contrário de gordura e músculos.


Se não estiver com pouca gordura no organismo, ele não vai aguentar o corte. É desse jeito assim como que pessoas normais não podem fazer isso”, completou Camões. Passada a pesagem um dia antes da briga, os atletas recuperam boa parcela do que perderam. Voltam a ingerir líquidos e carboidratos em grandes quantidades e alguns chegam até a infiltrar soro na veia pra amparar a reidratação, principalmente nas primeiras horas após subirem na balança. Quando finalmente chega a hora da disputa no dia seguinte, eles agora recuperaram cerca de 70 por cento de todo o peso eliminado. O corte de peso já fica automático depois que você faz diversas vezes. Não é muito simples, mas imediatamente costumamos. As pessoas falam que tenho dificuldades, contudo a minha perda é super bem controlada e isso não existe”, disse José Aldo antes de teu último duelo, contra Frankie Edgar, em fevereiro.


Os 8 Melhores Termogênicos Para Emagrecer

  • Um xícara de café de semente de abóbora e/ou girassol

  • 1 maçã picada com canela em pó salpicado por cima

  • Pela pagina segura do Hotmart prencha seus fatos pessoais e maneira de pagamento

  • PRANCHA LATERAL COM TORÇÃO um - De bruços, apoie os antebraços no chão


  • Carnes gordas, pele de frango

  • Na manhã, ainda em jejum, beba uma chávena

  • Continue a figura ereta e as mãos pela cintura pra acudir no equilíbrio


No momento em que se está de dieta parece que tudo se torna mais complicado: mencionar calorias, executar menus, saber o que obter e como cozinhar. Para que não deixe de ter alegria na cozinha e nos seus mil e um sabores, mesmo que esteja de dieta, reunimos doze dicas pra proteger pela hora de desafiar os tachos. Utilize tachos e panelas antiaderentes. A melhor forma de impedir o exercício (e o abuso!) de óleo, manteiga e margarina na cozinha é utilizar tachos e panelas antiaderentes. Os alimentos ficam super bem cozinhados na mesma, retendo o seu sabor natural e com muito menos calorias - caso contrário, opte a toda a hora por azeite virgem ou óleo de canola para cozinhar.


Antes de cozinhar cada tipo de carne ou ave, reserve um minuto para remover toda a gordura compreensível - com este fácil gesto elimina-se significativamente a quantidade de gordura presente no prato fim. No caso do frango, esse poderá ser cozinhado com a tua pele intacta, desde que esta não seja consumida na hora da refeição, pois é nela que está camuflada toda a gordura dessa ave. Não há melhor maneira de remover gorduras indesejadas dos alimentos do que grelhá-las… mantendo inalterado todo o sabor e com menos calorias. Use e abuse da folha de alumínio pra cozinhar, no forno, peixe, carne e vegetais. Pra e também ser bastante saudável - cozinhar em papelote conserva os sabores naturais dos ingredientes sem gordura adicional - facilita muito pela hora de lavar a louça!


Ao invés de usar manteiga, natas, farinha ou Maisena para engrossar sopas e molhos, opte antes por vegetais cozinhados e reduzidos a creme. Esses engrossadores naturais - caso da batata, como por exemplo - são bem mais saudáveis e nutritivos, sem perderem pitada de sabor. Quem está de dieta não necessita de se privar de tudo e se lhe apetecer um panado ou um filete de vez em quando, não vai deixar de o consumir dado que não? Sabe qual é o truque light para pratos que implicam pão ralado e ovo?



Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *